Como Conseguir Ajuda Para Uma Mudança Internacional (foto: internet)

Burocracia é uma das primeiras palavras que surgem na nossa mente quando pensamos em mudanças internacionais. Mas as empresas de logística têm tornado essa tarefa mais simples e práticas, basta planejamento prévio e organização.

Nesse sentido, a melhor forma de conseguir ajuda para uma mudança de país é contratando quem é especializado no serviço. Assim, muitas das suas preocupações podem ser terceirizadas.

No artigo de hoje, traremos alguns dos detalhes que não podem ser esquecidos para realizar mudanças internacionais com tranquilidade. Levando essas dicas ao pé da letra, é bastante improvável que aconteçam grandes inconvenientes ou gastos desnecessários.

Preste atenção nos itens a seguir e tome nota. Eles podem fazer toda a diferença caso você esteja entre os aventureiros que optam por mudanças internacionais para ter mais qualidade de vida. Vamos lá!

Preparação da mudança

A bagagem e a carga que será levada na mudança internacional precisam ser as suas primeiras preocupações. A melhor maneira de manter uma organização concisa é distribuindo os objetos em caixas padronizadas e identificadas de acordo com o que há no seu conteúdo.

Como Conseguir Ajuda Para Uma Mudança Internacional (foto: internet)
Como Conseguir Ajuda Para Uma Mudança Internacional (foto: internet)

Inclusive, é interessante adotar algum código. Numerar as caixas e colocar em uma lista o que há em cada um dos números pode ser uma saída prática. O trabalho que você terá “antes” determinará a tranquilidade do “depois”.

Até porque, se acontecer qualquer extravio, será muito mais simples de identificar qual foi a caixa perdida para localizá-la. Muitas empresas de mudanças internacionais já adotam essa metodologia ou táticas semelhantes.

O que pode ou não pode ser transportado

As empresas de logística internacional oferecem listas aos seus clientes com o que pode ou não pode ser transportado na mudança. Contudo, para que você tenha uma ideia, aqui vão alguns exemplos:

  • PERMITIDO

– móveis

– roupas

– louças

– eletrônicos e eletrodomésticos

– livros

– animais de estimação

  • NÃO PERMITIDO

– veículos e outros bens automotores

– patinetes

– alimentos de origem animal ou vegetal não industrializados

– muitas unidades de um mesmo item

– ferramentas manuais e serras (a não ser que comprove que usa profissionalmente)

– armas

– montantes de dinheiro acima de R$ 10 mil (a não ser que seja declarado na RF)

Tendo em vista evitar contratempos, faça uma lista do seu inventário antecipadamente e submeta à aprovação da companhia de mudanças internacionais.

Documentação necessária

Antes mesmo de embarcar, é fundamental reunir diversas documentações, embora as mais complexas sejam as do visto de permanência. Caso esteja retornando com uma mudança do exterior para o Brasil, o consulado brasileiro mais próximo será o principal auxiliar na emissão desses documentos.

Uma dica importante é não jogar seus bilhetes de passagem aérea e contrato com a empresa de mudança fora. Eles podem ser extremamente necessários para comprovar informações às autoridades.

Para o despacho aduaneiro no Brasil, o CPF é indispensável. Ele é usado na verificação cadastral para liberar a mudança.

Essas são algumas recomendações que certamente serão complementadas pela transportadora que fará a sua mudança internacional. Siga todas as instruções e boa viagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *