Compensa Estudar Medicina no Exterior? (Foto: internet)

Seu sonho é vestir um jaleco? A medicina é uma das carreiras mais prestigiosas e com um grande número de interessados em começar nessa carreira, é um dos cursos mais concorridas nas diversas universidades do Brasil, mas também fora dele. A seleção é complicada, mas é ainda mais difícil no exterior.

A seleção para medicina é diferente dos outros cursos, pois além de ser concorrido, é uma área que precisa de muita responsabilidade, visto que a rotina da profissão é lidar com o bem-estar e a vida dos pacientes. Todo o cuidado na hora de selecionar os alunos, faz parte da rotina de todos os países.

Sonho do jaleco no exterior

Compensa Estudar Medicina no Exterior? (Foto: internet)
Compensa Estudar Medicina no Exterior? (Foto: internet)

Diferente de outros cursos, o filtro para começar a estudar medicina é bem restrito. Para quem tem o sonho de usar jaleco e pensou em estudar em Portugal, por exemplo, vai encontrar universidades que contam com convênios com o ENEM. Já nos Estados Unidos, é necessário ter um curso de graduação para poder se candidatar a medicina.

Nesse tipo de processo, como nos Estados Unidos, os candidatos precisam de desempenhos muito bons nos seus cursos, se esforçando ao máximo para garantir um destaque maior. Por isso, o sonho de conseguir usar jaleco e virar doutor, vai precisar de, pelo menos, 8 anos de estudo.

Tem pessoas que pensam em começar a fazer a graduação no Brasil, conseguir a formação aqui e depois pensar nas especializações e doutorados lá fora. Há também a possibilidade de passar alguns anos em outros países para se dedicar a pesquisa, sendo uma forma que também é bem válida.

Onde estudar medicina no exterior?

A Medicina é realmente uma das carreiras mais buscadas para quem tem o sonho de vestir jaleco no mundo todo. Existem algumas alternativas mais viáveis para quem busca uma carreira no exterior, como é o caso dos cursos na América Latina. NA Argentina, existem diversos estudantes já, pois há uma proximidade geográfica e por ter custos reduzidos.

Muitos candidatos brasileiros também vão para Cuba para estudar medicina. Com bolsa integral para os alunos, eles também ganham hospedagem, alimentação e 30% do salário mínimo cubado. Assim, quem busca uma maneira de conseguir estudar medicina de graça e sair de jaleco, encontra em Cuba uma ótima opção.

As opções mais acessíveis para poder estudar medicina no exterior vão precisar que se tenha um desempenho acadêmico bem acima da média. Diferente do Brasil, nos outros locais o vestibular tradicional não existe. São levados em consideração as cartas de recomendação, além de atividades extracurriculares, junto com o histórico acadêmico.

Depois que se é aceito em uma universidade do exterior, é preciso pensar no currículo-base. Primeiro com disciplinas familiares do Ensino Médio, servindo como a base da formação e depois se passam pelas matérias mais profundas, com uso de jaleco em sala de aula.

Passando por um caminho bem extenso de matérias que exigem dedicação total por parte dos candidatos, por isso, cheque o currículo das universidades para ver qual se encaixa melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *