Fazer as malas para viajar com criança pode ser uma tarefa bem complicada, essa tarefa fica ainda mais complicada quando a viagem é de avião, por causa de algumas coisas que não podem cair no esquecimento.

As regras seguidas pelas companhias aéreas são bem rígidas na questão da identificação do pequeno passageiro, ainda que ele esteja na companhia dos pais.

Se você estar programando uma viagem de avião com criança, saiba que os documentos exigidos mudam conforme a idade, o lugar de destino e os responsáveis legais. Conheças as regras para viajar de avião com criança.

Viagens internacionais

As regras para viajar com criança para fora do Brasil são bem rigorosas. Em conformidade com o manual do passageiro, o pai ou a mãe precisa ter em mãos um documento com foto que identifique a criança e o responsável, além disso, é necessário mostrar a autorização da viagem com a assinatura do genitor ou genitora ausente. Essa assinatura precisa estar registrada em cartório para ser válida.  

No caso da criança que viaja acompanhada de uma pessoa da família ou de quem não seja da família, é necessário conseguir a autorização do Juiz da Vara da Infância e da Juventude.

Viagens nacionais

Da mesma forma, o manual do passageiro criado pela Anac informa que, em viagens de avião realizadas em território brasileiro, crianças com até doze anos, os pais precisam mostrar o registro de nascimento ou o RG para confirmar a identificação do menor e dos pais, mais algum documento com foto de um dos responsáveis.

Para fazer uma viagem nacional com criança, não é preciso mostrar a autorização do pai ou da mãe que não estar presente na viagem. No caso de crianças maiores de doze anos, é necessário apresentar a carteira de identidade, neste caso, o registro de nascimento não é mais válido.

Para a criança que viaja na companhia de algum parente, o responsável precisa mostrar algum documento que prove a parentela. Para viajar sobre a responsabilidade de terceiros, é necessário apresentar a autorização dos genitores reconhecida em cartório.        

Viajar com segurança

Para viajar com criança e com segurança é preciso seguir as orientações do manual do passageiro elaborado pela a Anac e adotar algumas medidas para não sofrer um over booking.

O manual informa que a criança de colo deve usar um cinto de segurança fornecido pela tripulação do voo. Você também pode utilizar se preferir, bebê conforto ou cadeirinhas conforme a idade da criança, acomodado da mesma forma como se fosse numa viagem de carro.

Com criança tudo fica mais complicado não é? Então evite passar por um over booking por chegar mais cedo no aeroporto e assegurar o seu assento fazendo o quanto antes o seu check in.

Perda de documento

Imprevistos acontecem e caso algum documento seja perdido no decorrer da viagem, o responsável legal daquela criança ou adolescente, precisa fazer um boletim de ocorrência em uma delegacia.

No aeroporto, é preciso procurar o Juizado da Vara da Infância e da Juventude para conseguir uma autorização para seguir viagem.

Desconto na passagem

O desconto na passagem aérea só é válido para crianças com até dois anos de idade, transportada no colo do responsável. À vista disso, o preço da passagem da criança será de 10% do valor pago pelo responsável.  

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *